24 de Abril de 2019

Paróquia São Sebastião prepara grande festa de reinauguração da igreja matriz

Publicado por

A Paróquia São Sebastião viverá uma grande emoção no próximo sábado (27/4). Após quase cinco anos de uma ampla reforma, a igreja matriz será reinaugurada. Localizada no distrito de Novo Brasil, em Governador Lindenberg, o templo existe há mais de 60 anos e nunca havia passado por uma grande obra.

A missa que marca essa nova fase da Igreja Matriz São Sebastião será às 18 horas, presidida pelo bispo da Diocese de Colatina, dom Joaquim Wladimir Lopes Dias. Durante a celebração, o bispo realizará dois ritos importantes: a Dedicação da Igreja e a Consagração do Altar. O Coral São Sebastião, composto por 85 vozes da paróquia, conduzirá os hinos da missa.

Como tudo aconteceu

O pároco, padre David Campos Maciel Neto, conta que, durante uma vistoria na igreja, observou muitos problemas na estrutura da construção, como cupim, madeira apodrecida, fiação antiga, infiltrações, goteiras e rachaduras, entre outras situações. Dessa forma, reuniu a comunidade que prontamente abraçou a iniciativa de revitalizar o templo.

 

 

Entre as principais obras empenhadas, destacam-se a substituição do telhado e do piso, novo projeto elétrico, reposicionamento das janelas, abertura de passagens para os fiéis dentro do templo, ampliação da sacristia, novo acesso para pessoas com deficiência, melhoria acústica, pintura, restauração das imagens, colocação de uma nova imagem do Cristo Ressuscitado no altar, instalação de sete vitrais criados sob medida, estrutura pronta para futura climatização, além da construção de banheiro, um pequeno auditório para 50 pessoas e almoxarifado.

A Igreja Matriz São Sebastião foi inaugurada em 1955, juntamente com a criação da Paróquia São Sebastião, e tem capacidade para acolher 300 pessoas sentadas. O projeto de revitalização leva a assinatura da arquiteta Kátia Pezzin. Padre David não contém a emoção ao falar dessa grandiosa obra que deixou o templo ainda mais bonito. “Não é uma conquista minha e sim de toda a comunidade. É uma vitória do povo! Graças a Deus! Essa obra levantou a autoestima dos fiéis, pois eles sabem, agora principalmente, que nós temos um patrimônio muito bonito”, enfatizou.

Lágrimas

Sem conter as lágrimas, o pároco destaca, mais uma vez, a participação ativa dos fiéis nessa empreitada. “É um divisor de águas em meu ministério. São tantos desafios! Sofri com a comunidade quando parecida que as coisas não dariam certo. Buscava motivá-la sempre. E agora vejo que cada um se sente participante dessa alegria”. Padre David lembra ainda que a obra não precisou ser interrompida nenhuma vez ao longo desses quase cinco anos de construção e que toda a prestação de contas foi realizada com transparência e retidão. “Contamos com o apoio financeiro de toda a paróquia, como também de outras paróquias, dos irmãos luteranos e de empresários da região”, destacou.

Festa, festa

Para padre David, um desafio tão grande merece uma comemoração à altura. Por isso, a festa em comemoração à reinauguração da igreja matriz será longa! Tem início no próximo sábado, dia 27 de abril, e só termina no dia 27 de abril de 2020. E, até lá, no dia 27 de cada mês, haverá uma missa festiva a ser presidida por sacerdotes que fizeram parte da história da paróquia. Dom Geraldo Lyrio Rocha e padre Zúlian Jorge de Miranda já são nomes confirmados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *